Campo Grande/MS
Ataque a candidato
21 setembro 2018 - 09h22

Inquérito sobre facada em Bolsonaro é prorrogado para perícia em aparelhos eletrônicos do autor

OUVIR

 

O inquérito que investiga o atentado contra o deputado federal Jair Bolsonaro, candidato à Presidência da República pelo PSL, foi prorrogado por mais 15 dias. A Justiça autorizou o adiamento a partir de um pedido feito pela Polícia Federal. De acordo com o delegado Rodrigo Morais, o pedido foi feito porque o material que foi apreendido em posse do agressor confesso, Adélio Bispo de Oliveira, ainda está passando por perícias.    
 

Sobre a decisão da Justiça Federal, que autorizou a realização de um novo exame psiquiátrico em Adélio Bispo a pedido da defesa – que pretende comprovar insanidade mental, Morais disse que isso é uma tese de defesa e, portanto, indiferente à investigação. Nessa semana, o advogado de defesa de Adélio Bispo, Zanone Junior, disse que, a partir do laudo do exame, até mesmo alguns depoimentos podem ser anulados. 

 

Ouça todos os detalhes na matéria completa:

Deixe seu Comentário

Relacionados

Mais Lidas