Campo Grande/MS
DISCUTINDO A RELAÇÃO
26 novembro 2018 - 09h52Por Michael Franco

Bolsonaro desautoriza plano de Mandetta para avaliação nacional de médicos, mas futuro ministro insiste na ideia

O futuro ministro da saúde quer avaliar os médicos no estilo OAB em nível nacional

OUVIR

O domingo foi marcado por mais um ‘bate cabeça’ do alto escalão do governo Bolsonaro. Em entrevista ao jornal O Globo, o futuro ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, do DEM-MS, afirmou que quer fazer mudanças na área. Entre as mudanças, estaria um exame de certificação para os médicos brasileiros – uma espécie de Revalida nacional. Seria como um exame da OAB para os médicos em nível nacional, por exemplo. Mandetta disse que não são só os médicos estrangeiros quedeveriam fazer um exame para certificar seus conhecimentos. Nas palavras dele, não há por que “cobrar conhecimento diferente do médico brasileiro e do de fora”.

No entanto, o presidente eleito Jair Bolsonaro, rejeitou a ideia de criar uma espécie de Revalida para os médicos formados no Brasil. Bolsonaro argumentou que a prova pode ser igual a da Ordem
dos Advogados do Brasil, a OAB, que tem altos índices de reprovação.

Ouça a matéria completa:

Deixe seu Comentário

Relacionados

Mais Lidas