Campo Grande/MS
Bandeira vermelha só se for de sangue
02 janeiro 2019 - 13h12Por Lívia Machado

Com viés conservador, Jair Bolsonaro é o 38º presidente do Brasil

OUVIR
Foi a partir do juramento e da assinatura do termo de posse no Congresso Nacional, que Jair Messias Bolsonaro se tornou formalmente o novo presidente do Brasil. No mesmo local, mas com tom ainda mais forte, o vice-presidente General Hamilton Mourão também proclamou o mesmo juramento. 
 
A cerimônia começou no horário previsto, antes das três da tarde. Após a chuva dar uma trégua, Bolsonaro decidiu desfilar em carro aberto, no Rolls-Royce conversível, da Catedral até o Congresso, e do parlamento até o Palácio do Planalto. Sempre acompanhado pela mulher, a primeira-dama Michele Bolsonaro, e o filho Carlos Bolsonaro. 
 
O primeiro discurso de Jair Bolsonaro como presidente eleito foi marcado pela manutenção da linha ideológica adotada por ele ao longo de toda a campanha. Na fala, Bolsonaro repetiu termos como ideologia, deus e família. Afirmou ainda que estava comprometido com uma sociedade sem discriminação. O presidente falou ainda sobre a sua agenda econômica e sobre a necessidade de contar com o congresso para a realização de reformas estruturantes. 
 

Deixe seu Comentário

Relacionados

Mais Lidas