Campo Grande/MS
#LAPADAMS
11 abril 2019 - 08h24Por Lívia Machado, Joel Silva

Café das Seis destaca PDV e vendas do comércio na edição desta quinta

 

Café das Seis de Campo Grande destacou nessa quinta-feira (11) a aprovação do PDV do Governo do Estado na Assembleia Legislativa e o aumento nas vendas do comércio da Capital em fevereiro. 
 
PDV APROVADO
Deputados estaduais aprovaram em segunda votação o projeto de implantação do Plano de Demissão Voluntária (PDV) no governo do Estado. O texto teve 19 votos favoráveis e dois contra. 
 
O texto foi aprovado com as mudança proposta pelo Capitão Contar e outros sete deputados sobre o tempo no qual o servidor que aderir ao PDV ficará impedido de assumir cargos em comissão. 
 
Em um primeiro momento, foi pedido que o prazo fosse estendido.  O prazo será de dois anos, mas inicialmente, o texto excluia os servidores que já trabalham em cargo de comissão. Agora, com a emenda, todo servidor que aderir ao PDV ficará impedido de exercer cargo em comissão.
 
COMÉRCIO FEVEREIRO
O comércio em Mato Grosso do Sul registrou aumento de 5,2% nas vendas em fevereiro deste ano, índice superior à média nacional, que foi de 3,9%, conforme Pesquisa Mensal do Comércio. Na comparação com o mês de janeiro, houve uma leve queda de 0,1%.
 
Os dados foram divulgados ontem pelo IBGE. Em relação aos dados nacionais, houve destaque para os segmentos de tecidos, vestuário e calçados, seguidos pelos segmentos de móveis e eletrodomésticos, e em seguida veículos e material de construção.
 
Segundo a economista do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento da Fecomércio-MS, Daniela Dias, estes segmentos não registraram aumento apenas em termos de receita nominal, mas em volume de vendas também. Materiais de construção, em termos de volume, o aumento em relação a fevereiro de 2018 é de 9,3%.
 
A explicação para os aumentos significativos, segundo a especialista, pode estar relacionada à melhora da intenção de consumo das famílias, no início do ano, que apontou um aumento na intenção de compras de bens duráveis pelas famílias campo-grandenses.

Deixe seu Comentário

Relacionados

Mais Lidas